Resistência Arco Íris

Resistência Arco-Íris

Notícias

 

marvel_kFFx6Pz.png

 

Marvel Studios usou o Twitter para divulgar um comunicado onde denuncia e se posiciona de forma contrária a "toda e qualquer legislação que infringe os direitos humanos básicos da comunidade LGBTQIA+". O pronunciamento acontece em paralelo à movimentação de funcionários da Disney, empresa proprietária do estúdio presidido por Kevin Feige, contra o posicionamento da corporação quanto ao projeto de lei americano "Don't Say Gay".

Leia mais em:

 

A imprensa estadunidense revelou que a tradicional produtora doou milhões para bancar parlamentares e lobistas favoráveis à lei

A revelação de que o tradicional estúdio apoia ideologicamente e financeiramente a legislação caiu como uma bomba no meio cultural dos EUA. Diante da pressão de parceiros econômicos e de conteúdo, o CEO da Disney, Bob Chapek, foi à público justificar o apoio da produtora à lei anti-LGBT.

Em coletiva realizada com a imprensa na última quinta-feira (10), Chapek declarou que, apesar da doação para políticos e grupos favoráveis à lei, o estúdio "tem trabalhado nos bastidores" para convencer os legisladores a vetarem a lei. E, como forma de compensação, revelou que a Disney vai doar US$ 5 milhões para instituições LGBT.

 

Leia mais em

https://revistaforum.com.br/lgbt/2022/3/17/disney-patrocina-lei-que-proibe-existncia-lgbtqia-causa-revolta-111637.html

"Estudos como o nosso, com metodologias qualitativas, não buscam trazer generalizações, mas encontrar tendências de comportamento que posteriormente podem ser confirmadas em sondagens qualitativas", afirma a socióloga Jordana Dias, coordenadora do Núcleo de Opinião Pública, Pesquisas e Estudos da FPA. "A vantagem da 'quali' é estabelecer uma conversa com o entrevistado, o que possibilita entender melhor as trajetórias de vida e as motivações das escolhas que ele faz", completa o cientista político Matheus Toledo, analista de opinião pública da Fundação.

 - Veja mais em https://www.uol.com.br/ecoa/colunas/rodrigo-ratier/2022/02/19/eleitor-sem-voto-definido-defende-lgbt-familia-e-e-antiaborto-diz-estudo.htm?cmpid=copiaecola

A página oficial da Brighton Pride no Twitter lamentou a morte do ativista LGBTQIA+. “Muito triste em saber da morte de George Montague. Como o ‘gay mais velho da cidade’, George foi uma parte muito importante da parada e um ativista incansável por um mundo mais igualitário. Enviamos amor ao marido Somchai e sua família. Descanse em poder, George”.

Leia  mais em

https://gay.blog.br/gay/morre-ativista-lgbt-britanico-george-montague-aos-98-anos/

Com o tema “Políticas Públicas de Atendimento” , representantes de diferentes países e de secretarias públicas estão reunidos na programação da 1ª Conferência de Direitos Humanos para Refugiados e Migrantes LGBTI, promovida pelo Casarão Brasil – Associação LGBTI, em parceria com o Consulado da Holanda.

Leia mais em

https://observatoriog.bol.uol.com.br/noticias/comportamento/1a-conferencia-de-direitos-humanos-para-refugiados-e-migrantes-lgbt-reune-representantes-de-diferentes-paises

Apoio