Resistência Arco Íris

Resistência Arco-Íris
"Um estudo com mulheres, em sua maioria jovens e negras, atendidas em um pronto socorro e em uma clínica de infecções sexualmente transmissíveis (IST), ambos em Chicago (EUA), encontrou baixos níveis de conhecimento sobre PrEP. Isso ocorremesmo em uma cidade onde se realiza regularmente campanhas de divulgação da profilaxia, direcionadas a mulheres e homens heterossexuais, além de membros da comunidade LGBTQ+."

Para ler a notícia completa acesse: http://imprep.org/2020/09/01/estudo-americano-mostra-que-conhecimento-sobre-prep-nao-chega-as-mulheres-2/

Apoio